>> Voltar a Entrada >> Enter to The Matrix!


A Origem de Mafalda
Não era para ser o que se tornou
Marillyn Damazio 2012-02-02
Para começar com chave de ouro a nossa série de matérias sobre a cinquentinha Mafalda vamos falar sobre a origem dela, ou seja, por que Quino a criou. Se você acredita que o cartunista argentino já tinha em mente fazer de Mafalda o símbolo que ela se tornou está enganado. 

Na realidade em 1962 o cartunista foi contratado pelo jornal argentino Clarín para criar um cartoon para uma propaganda do jornal. Nesse momento surgiu a ideia da Mafalda, mas o Clarín rompeu o contrato e Quino se viu com uma personagem preciosa nas mãos. 

Foi um amigo de Quino, Julián Delgado (editor chefe do hebdomadário Primera Plana) quem em 1964 sugeriu ao amigo que transformasse Mafalda num cartoon de verdade. O dia 29 de setembro de 1964 marcou a estreia da personagem e dos seus carismáticos pais. No ano seguinte ela ganhou um irmãozinho chamado Filipe. 

Quino ganhou um problema, pois uma disputa judicial impediu Mafalda de continuar a ser publicada em 9 de março de 1965. Mas, o cartunista não desistiu e a personagem perseverou de novo no jornal de Buenos Aires Mundo, apenas uma semana depois. As semanas que seguiram trouxeram para a história da menininha consciente os seus amiguinhos Susanita e Manolito. 

O jornal foi a falência em 22 de janeiro de 1967 e Mafalda nunca conheceu o outro irmãozinho. A mãe de Mafalda estava grávida na época da falência do jornal e assim o bebê acabou não nascendo. 
Gostou? Então aguarde por que na quinta que vem tem muito mais...




CULTZONE




Anunciar na CULTZONE é muito fácil

101 Copyright © 2003-2005-2006-2007-2008-2009-2010-2011-2012-2019 CULTZONEZai AGÊNCIA CRIATIVA.
Todos os Direitos Reservados CULTZONEGroup
Powered by CULTZONE WebSolutions
CULTZONE IT'S A TRADEMARK. DON'T COPY!